MAIS 10 ideias sustentáveis aplicáveis a qualquer empresa

Tempo de leitura: 9 minutos

Devido ao sucesso de nosso artigo com 10 ideias sustentáveis aplicáveis a qualquer empresa, hoje vamos apresentar MAIS 10 ideias sustentáveis para que você aplique em sua empresa!

10 ideias sustentáveis aplicáveis a qualquer empresa

1- COLETORES CENTRALIZADOS

A coleta seletiva é um processo que depende da cooperação de todos. Infelizmente, por comodidade, é muito comum chegar a uma sala e ver cada mesa com um coletor individual.

Coletores individualizados não são a melhor opção para a coleta seletiva porque dificultam a coleta pelo pessoal de limpeza e exigem mais recursos. Afinal, se há preferência por coletores individualizados, serão necessários, no mínimo, dois coletores por pessoa: um para resíduos comuns e um para recicláveis. E, para cada coletor, um saco plástico.

A ideia de fornecer coletores maiores centralizados se suporta no trabalho coletivo. Todos descartam seus resíduos nos mesmos coletores e, se alguém fizer errado, compromete o esforço alheio. Isto faz com que haja maior cuidado no momento do descarte e maior fiscalização pelos próprios funcionários. Além disso, são necessários menos coletores e menos sacos plásticos, gerando economia para a empresa.

Outro benefício associado é o estímulo à movimentação. Pessoas que trabalham em escritório normalmente passam muitas horas sentadas, o que contribui para o sedentarismo. Os coletores centralizados fazem com que o funcionário se levante para descartar o resíduo, descanse um pouco a mente e alongue o corpo.

Ideias sustentáveis não precisam ser complexas!

2- CAPTAÇÃO DE ÁGUAS PLUVIAIS

A água de chuva é um recurso abundante e pouco aproveitado pelo ser humano. Além de gratuita, sua qualidade é excelente para diversos fins. No sertão de Pernambuco, existem sistemas que captam chuva para o próprio consumo das pessoas.
Em primeiro lugar, deve-se definir qual será o tipo de uso para a água captada1 (rega, lavagens, descarga em sanitários, etc.), para que se possa saber o nível de tratamento necessário para que esta água seja adequada para aquele fim.

Em seguida, é preciso eleger uma superfície de coleta. Normalmente são captadas águas que caem sobre telhados, os quais possuem superfície ampla e inclinada, o que facilita a captação através de calhas.

Depois, deve-se realizar a instalação para a efetiva coleta da água. Normalmente são necessárias apenas adequações nas calhas e tubulações de águas pluviais para que sejam desviadas para a caixa de armazenamento mas, dependendo do caso, é importante que seja feito um estudo de dados pluviométricos para definir o diâmetro da tubulação, o tamanho da caixa de armazenamento, mecanismos para evitar o transbordamento da caixa, sistemas para evitar que sólidos grosseiros adentrem a caixa, dentre outros.

1não deixe de pesquisar quais os parâmetros exigidos para a água no caso do uso definido.

3- PROMOVER O CONHECIMENTO DA EMPRESA

Muita gente trabalha anos em uma empresa e não a conhece direito. A rotina de trabalho faz com que o funcionário siga sempre o mesmo caminho em direção a seu setor e fique confinado a ele.

Estimular os funcionários a conhecerem a empresa como um todo tem vários benefícios:

1- Conhecer o verdadeiro valor de seu próprio trabalho: isto faz com que as pessoas tenham mais vontade de contribuir para a empresa, uma vez que percebem que seu trabalho é útil;

2- Ver de perto as dificuldades de outros setores: entender as dificuldades de outros setores faz com que as pessoas criem empatia e busquem formas para diminuir barreiras;

3- Entender diferentes processos: isto estimula as pessoas a terem ideias (inclusive ideias sustentáveis!) para melhorar os processos, mesmo não fazendo parte deles. Assim, surgem formas de evitar desperdícios, otimizar consumo de recursos, etc.

4- Conhecer a importância do trabalho das outras pessoas: quem nunca escutou frases como “Fulano tem vida boa” ou “Nunca vejo Cicrano fazer nada na empresa”? O fato de não conhecer o trabalho de outra pessoa pode levar a críticas infundadas, o que prejudica relações de trabalho.

4- INTERVENÇÃO EM PROJETOS

Verdade seja dita: as pessoas ainda não valorizam as ações ambientais como deveriam. É aí que devem surgir as ideias sustentáveis!

Os projetos “verdes”, que contemplam ações de sustentabilidade, como aproveitamento de iluminação natural, otimização do consumo de recursos naturais, utilização de materiais ecológicos, ainda são escassos.

Um dos papéis do profissional de meio ambiente é intervir neste tipo de projeto, trabalhando em conjunto com engenheiros e arquitetos, buscando inserir ações que podem até encarecer o serviço, mas trarão benefícios a médio e longo prazo para a empresa, tanto ambientais, quanto econômicos.

O mercado oferece diversas opções para isto. Basta nos mantermos informados e disseminarmos as informações a quem elabora os projetos, demonstrando suas vantagens.

5- ADOÇÃO DE LÂMPADAS LED

Não é novidade que as lâmpadas LED são muito mais econômicas do que as convencionais. Apesar de algumas pessoas acreditarem que estas lâmpadas produzem resíduos mais perigosos do que as lâmpadas convencionais, não há nenhuma evidência disto.

O que é certo é que economizar energia é benéfico para o meio ambiente e, como estas lâmpadas reduzem o consumo, nada mais lógico do que adotá-las.

Não se esqueça de providenciar o descarte adequado.

Economizar energia ajuda o meio ambiente?

6- DESTINAR RESÍDUOS RECICLÁVEIS A COOPERATIVAS DE CATADORES

Cooperativas ou associações de catadores normalmente não possuem fins lucrativos e a renda obtida é revertida ao sustento dos catadores.

O trabalho destas pessoas é louvável, mas muito duro. Normalmente as condições de trabalho são precárias, eles não possuem EPIs, trabalham com equipamentos nada ergonômicos... Um pouco que fazemos os ajuda muito. A simples separação correta dos resíduos já poupa um grande trabalho deles e evita que entrem em contato com resíduos orgânicos ou perigosos.

Procure cooperativas honestas, conheça seu trabalho e, se possível, busque promover um trabalho social junto a eles.

Desta forma, você economiza dinheiro (pois não paga para que o resíduo seja removido) ,conserva o meio ambiente (evitando que o resíduo seja encaminhado a aterros) e ajuda as pessoas que precisam deste trabalho para viver.

Quer saber mais sobre o trabalho de catadores? Assista ao belo documentário "Lixo Extraordinário"!

7- FAÇA PROGRAMAÇÕES DOS APARELHOS DE AR CONDICIONADO

O ar condicionado é um grande vilão das contas de energia. Principalmente quando se trata de modelos antigos tipo “caixa”, muito menos econômicos.

Um fator que aumenta o consumo de energia é o tempo que os aparelhos ficam ligados. Muitas vezes, eles ficam ligados em momentos desnecessários.

Um funcionário vai fazer uma visita de campo e deixa o aparelho ligado sem ninguém na sala; na hora do almoço, todos se dirigem para o refeitório e o ar condicionado da sala permanece ligado; no fim do expediente, o estagiário ficou responsável por fechar a sala, mas esqueceu de desligar o ar condicionado... Situações como estas podem acontecer a qualquer momento.

Uma medida que muitas empresas adotam é um sistema de programação dos aparelhos de ar condicionado. O sistema é responsável por ligar os aparelhos automaticamente nos horários de expediente e desligá-los após o expediente ou em horários de almoço.

Desta forma, garante-se um maior controle dos aparelhos, otimização de seu funcionamento, aumento de vida útil e consequente economia.

8- FIRME PARCERIAS

Parcerias são fundamentais para a gestão ambiental. Elas potencializam o caráter sustentável das ações.

Exemplos:
- uma empresa de transportes pode firmar parceria com um grupo teatral, onde a primeira oferece transporte gratuito, enquanto o grupo faz apresentações sobre o tema ambiental para os funcionários;

- uma empresa pode fazer parceria com artistas doando seus resíduos recicláveis a eles, enquanto estes retornam itens reciclados como brindes para eventos da empresa;

- a empresa fornece espaços para outra de publicidade e recebe em troca banneres ou adesivos de campanhas ambientais para serem divulgados internamente aos funcionários.

A causa ambiental se fortalece a partir de parcerias.

Simbiose Industrial

9- ESTIMULE CARONA E USO DE TRANSPORTE PÚBLICO

Em muitas cidades o trânsito consegue ser realmente estressante. Segundo o DENATRAN, no Brasil há aproximadamente 1 carro para cada 4 habitantes.

O problema é que, muitas vezes, estes carros circulam apenas com o motorista, sem passageiros, o que aumenta a quantidade de carros em trânsito.

Uma boa medida sustentável é estimular o uso de transportes públicos para o deslocamento ao trabalho, como fornecendo vale-transporte

Outra medida interessante é estimular a carona entre os funcionários. Muitas vezes há funcionários de setores diferentes (ou até do mesmo setor) que moram muito perto uns dos outros e que poderiam fazer um revezamento de carros, diminuindo o número de carros circulando, a poluição e o consumo de combustíveis fósseis. Além destes benefícios, as pessoas tem a oportunidade de se conhecer e ainda têm a vantagem de não ser necessário dirigir a todo momento, o que reduz consideravelmente o nível de estresse.

10- ADOTE GESTÃO AMBIENTAL NA EMPRESA

Se você acompanha nossos artigos, sabe que somos defensores dos sistemas de gestão, principalmente dos integrados.

São sistemas notadamente eficazes se implementados de maneira adequada e que facilitam muito os trabalhos da equipe. Como são baseados no ciclo PDCA, a melhoria contínua do sistema acaba sendo algo natural e necessário para a manutenção do mesmo.

Não se preocupe: a adoção de um sistema de gestão não é dependente da certificação.

Sistema de Gestão – 5 motivos para ser (ou não ser) certificado

Gostou destas ideias sustentáveis? Se você tiver outras ideias interessantes, deixe-as nos comentários para que possamos compartilhá-las com nossos leitores.

ideias sustentáveis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *